Memórias



A Memória da "Conferência de Arouca" que assinalou o segundo aniversário do Círculo, no passado dia 3 de fevereiro de 2018, está disponível nos Documentos do Círculo:

«A conferência do Prof. José Eduardo Franco centrou-se numa reflexão sobre a construção da identidade ao longo da nossa história da Cultura.
Começou por referir aquilo que designou como Nova Literatura da Identidade Portuguesa, que surge a partir do começo do regime democrático e que se iniciou com duas obras de referência que são “O Labirinto da Saudade” de Eduardo Lourenço e “Repensar Portugal” do Padre Manuel Antunes. Como acontece nas grandes mudanças de regime foi necessário repensar a identidade, assistindo-se a uma proliferação de obras com tema adequado ao momento político e à reflexão sobre o futuro. Ao longo da sua História, Portugal foi sempre uma preocupação dos intelectuais portugueses, tendo cada tempo a sua literatura da identidade própria. Acontece nos momentos de fundação e refundação, nos momentos de euforia ou depressão. Aconteceu na altura das descobertas, e sobretudo durante o domínio espanhol em que proliferou a literatura da identidade como resistência. [...]»

Para continuar a ler o texto basta clicar aqui.
Alguns registos fotográficos da Conferência podem ser encontrados na Galeria.

Referência nos Media:
"Dois anos a promover Cultura e Democracia em Arouca", no blogue Do Meu Mirante e no jornal Discurso Directo